segunda-feira, 1 de setembro de 2014

UM CAMINHO PARA PROFUNDIDADE

Isaias 35.8-9

Nessas ultimas 8 terças-feiras, nós falamos sobre profundidade, nós aprendemos sobre viver em profundidade...e nessa noite eu gostaria de convidar você para relembrarmos um pouco daquilo que foi falado nessas últimas terças-feiras.

Na primeira terça-feira, nós falamos sobre a GERAÇÃO DA PROFUNDIDADE, onde nós aprendemos que, tudo aquilo que nós temos vivido são apenas 10% daquilo que Deus tem para nós, e tiramos por exemplo o ICEBERG que toda aquela imensidão que se vê para fora da água são apenas 10% do seu tamanho, que a maior e melhor parte estão na profundidade, estão a baixo da superfície.

Ai então, começamos a nossa série de 7 mensagens sobre profundidade, um série de mensagens onde nós aprendemos que Deus quer que nós passemos a viver uma vida de profundidade.

Nós falamos sobre PROFUNDO X SUPERFICIAL, UMA GERAÇÃO CAIDA, UM CONVITE PARA UMA VIDA EM PROFUNDIDADE, O PERFIL DE UMA GERAÇÃO PROFUNDA, O PREÇO PARA UMA VIDA EM PROFUNDIDADE, O LEGADO DE UMA GERAÇÃO PROFUNDA....E HOJE NÓS QUEREMOS FALAR SOBRE “UM CAMINHO PARA A PROFUNDIDADE”

Há um caminho, traçado por Deus, pelo qual atingimos níveis de profundidade antes nunca sonhados pela maioria de nós aqui. Ele nos leva para um processo, um ciclo que dura por toda uma vida.
Deixa eu explicar melhor para você...Existe um fenômeno nos oceanos, em que as águas que circulam no fundo dos oceanos e são muito ricas em nutrientes. Riquezas que vem da morte dos seres que lá habitam.

Os restos dos cadáveres destes seres são transformados por bactérias em nutrientes, e são preservadas a tal profundidade em virtude da existência de uma barreira física nos oceanos. Essa barreira divide, separa as águas profundas das superficiais (PECADO FAZ DIVISÃO ENTRE NÓS E DEUS) impossibilitando que haja mistura entre elas; essa mistura, essa barreira que separam o profundo do superficial se chama “TERMOCLINA”.

Só que essa “TERMOCLINA” não é perfeita, e em alguns pontos do planeta, em determinadas ocasiões essa barreira é quebrada, é quando as águas profundas afloram gerando uma explosão na superfície...quando nós conseguimos romper a barreira que nos separa de Deus, quando nós conseguimos romper, ai então há uma explosão de vida, aquilo que não existia passa a existir, aquilo que parecia impossível passa a ser possível, aquilo que antes parecia tão longe agora está tão perto, porque quando você rompe, você passa a viver um fenômeno chamado RESSURGÊNCIA.

Da mesma maneira, Deus nos leva as profundezas, onde há entrega, renuncia e a morte do velho homem, e ai então “RESSURGE UMA PESSOA TRANSFORMADA”
Deus nos levanta como uma geração que RESSURGE DAS PROFUNDEZAS QUE ROMPEM BARREIRAS PARA NUTRIR UMA GERAÇÃO QUE SE ENCONTRA NA SUPERFICIALIDADE, GERANDO VIDA EM ABUNDÂNCIA.
Nós temos que entender que a morte é um PRÉ-REQUISITO para a VIDA!!!

O verdadeiro discípulo de Jesus, vê uma oportunidade na morte, portanto se entrega, como Jesus se entregou, para que através da sua morte, haja vida.
Nós temos que morrer para o mundo, morrer para o velho homem, e viver para Cristo.
Porque quando você morre para o mundo, a sua vida não termina, é ai então que ela começa.
Ai então, Deus estabelece isso como um ciclo, a superficialidade, então é um estágio inicial em que somos desafiados a romper, até alcançar os níveis mais profundos.
Deus deseja nos levar ao lugar da revelação, até nos fazer entender que nosso papel não é somente desfrutar sozinhos das profundezas, mas retornar à superfície para conduzir outros a experimentar o que vivemos.

Eu quero dizer para você, que levar outros a experimentar esse caminho, não é uma tarefa simples...nós temos o exemplo de Moisés, que apesar de se consagrar e ter a mão de Deus em tudo que fez, estava diante de uma geração rebelde e de coração endurecido.
Como resultado da dureza do povo, Deus não permitiu que saíssem do deserto. Muitos ficaram andando em círculos até a morte por não se inspirarem na vida de Moisés.

Nós estamos tentando mostrar para você as vantagens, as maravilhas de se viver uma vida em profundidade, mas cuidado para você não ficar igual ao povo que saiu do Egito...ficava andando em círculo até a morte.
E mesmo correndo o risco, de ficar andando em círculos e morrer, sem que tenham experimentado o melhor de Deus para suas vidas, as pessoas fogem de viver uma vida de profundidade, porque sabem que lá está a cruz, está o fogo.

E com suas escolhas negam a cruz, porque suas vidas já não produzem mais o fogo do Espirito... “ E DAI O QUE NÃO É FOGO, E É LANÇADO NELE SE QUEIMA, MAS O QUE É FOGO QUANDO SE UNE AO FOGO AUMENTA SUAS BRASAS...”
Por isso que a maioria corre dos cultos de oração...para não se queimar
Mas você não, você está aqui, porque o fogo do Espirito Santo está ardendo em você e agora ele vai aumentar mais e mais ainda.

Ninguém pode dizer que se ENCONTROU COM DEUS sem ter a sua vida alterada sem ter marcas de águas profunda, marcas da profundidade.
Menino atropelado por um caminhão, mas disse que não sofreu nada, apenas um arranhão no dedo.
Certamente ninguém acreditaria...
Quando nós nos encontramos com Deus, quando nós passamos a viver em profundidade, não prestamos pra mais nada que não seja viver para Ele.

O caminho para vivermos com Ele, e para ele já foi estabelecido...
Seja parte da geração que escolheu viver o evangelho, pela revelação, pela experiência que teve nos lugares profundos e pelos encontros pessoais com Deus no seu dia-a-dia.


Mergulhe em um romance com Deus, resolva ir mais fundo, e dessa forma esteja pronto para responder a Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário